quarta-feira, 26 de maio de 2010

SEMI A VISTA

Dr Marcos nos informou que o Tomás deve ser transferido para a semi-UTI ainda esta semana (não tem uma data precisa). Nessa nova condição (habitação) o Tomás continuará sendo monitorado por alguns aparelhos, mas não mais em um ambiente "aberto", ele estará em um apartamento e sempre acompanhado - seja por um familiar, um amigo ou um profissional.

Esta fase - segundo Dr Marcos - é muito dificil para a familia e amigos, pois neste momento estaremos convivendo mais de perto com o real estado do Tomás, seus problemas, dificuldades, necessidades...presenciaremos condutas medicas, que embora sejam de rotina, podem não agradar quem não está acostumado.

É importante que o acompanhante seja alguém com maturidade e capacidade de ação (basicamente chamar o médico/enfermeira)....o que ele quis dizer com isso é que neste momento ele ainda não aconselha "os jovens como acompanhantes"....menciono isto pois sei que MUITOS amigos(as) estão dispostos a ajudar a familia....mas fiquem tranquilos...oportunidade não faltará.

2 comentários:

  1. Marcos, concordo plenamente com o seu xará. Ainda bem que ele passará para a semi intensiva, mas convém que sejam seguidas as recomendações do médico. Com o meu pai, em vez de contratarmos a enfermagem do próprio hospital, o que é uma falência, contratamos uma cooperativa de enfermagem. É melhor, mais barato e mais seguro com relação a problemas trabalhistas.

    O Tomas precisará da ajuda de todos, mas com consciência.

    Este menino nos surpreenderá antes do previsto!!!

    ResponderExcluir
  2. Álvaro Leopoldo e Silva Filho26 de maio de 2010 18:10

    Sou Álvaro pai do Tho leopoldo e Silva e como todos voces, convivo muito com o Tomás e o temos como um de nossa família.
    Desde já coloco-me a disposição para ficar à noite com ele sempre que precisarem.
    Ele é jovem e forte e esta enorme corrente positiva o fará se recuperar muito rapido.

    ResponderExcluir