segunda-feira, 28 de junho de 2010

7 e 7 são 14 com mais 7...21

Hoje, segunda-feira, completou seis semanas do acidente. Pensando em dias...42 é bastante tempo, mas pensando em "tempos"... é pouco, foram seis tempos....semanas.

Evoluções ? Muitas e constantes.... mas sempre em uma velocidade, e principalmente, uma ordem bem diferente do que em qualquer momento pensei ou imaginava.

Cada dia que vejo o Tomás algo me surpreende... pode ser um sono profundo, ou movimentos interminaveis... se por um lado os musculos da perna sofreram com todos estes dias parados, os dos braços estão tremendamentes fortes. Nos últimos dias tanto o braço como a perna esquerda não param de se mexer... não parecem movimentos voluntarios, mas também dá para perceber que não são movimentos medulares... são as conexões sendo refeitas, testadas, avaliadas e treinadas.

O movimentos dos olhos estão cada vez mais treinados....se antes parecia em muitos momentos um olhar distante, agora vejo os dois olhos já mais focados.

Sempre achei que a comunicação viria antes dos movimentos... como fazemos quando acordamos... mas não, cada vez mais movimentos e a comunicação fica para depois. Não sei qual a ordem das evoluções.... mas sei que as evoluções ocorrem.

O Dr Marcos vem nos preparando já faz tempo para um periodo de monotonia, onde nada ira acontecer, e ficaremos tremendamente frustrados....como acostumamos rápido....os pequenos acontecimentos já servem para alimentar nossa satisfação e crença na recuperação.

O quarto do hospital, conforme sugestão dos terapeutas, já está cada vez mais com a cara do Tomás, tem poster dos Simpson do quarto dele, tem raquete de tenis, tem trompete, tem jogo de War, tem pandeiro, tem violão.... ou seja, tem muita coisa para ele "se sentir em casa".....falta ainda a mudança de face solar... isso vamos trabalhar... tem que mudar de quarto, precisamos de uma janela com muito sol, de preferência o sol da manhã... Dr Marcos gostou da idéia, vai verificar...tomara que mude logo...

As visitas, de amigos, devem ser retomadas....o Tho e o Juliano estão nos ajudando nisso, pois tem que ser algo bem acompanhado e avaliado.... pode ser algo que excite muito o Tomás....e isso em certos momentos não é bom...falem com eles.

E assim vamos caminhando....degrau por degrau... aprendendo cada dia uma coisa nova, um processo novo.... uma recuperação possível.

Como é dificil "aprender a falar e andar"....

5 comentários:

  1. Descobri essa música faz pouco tempo e fiquei com vontade de compartilhar com vocês. Acho que traz um pouco a ideia de muita gente junta, em volta de uma pessoa tão querida...

    Chama "Baião do Tomás".

    http://www.youtube.com/watch?v=Jeanvh1-z7I&feature=related

    ResponderExcluir
  2. Saber? Que sei eu?
    Pensar é descrer.
    -Leve e azul é o céu-
    Tudo é tão difícil
    De compreender!...

    A ciência, uma fada
    Num conto de louco...
    -A luz é lavada-
    Como o que nós vemos
    É nítido e pouco!

    Que sei eu que abrande
    Meu anseio fundo?
    O céu real e grande,
    Não saber o modo
    De pensar o mundo!

    Fernando Pessoa

    ResponderExcluir
  3. O baião do Tomás é lindo! Obrigada ao anônimo por esta contribuição.

    ResponderExcluir
  4. Os Simpsons!!! Vou tentar arranjar uma surpresa para ele, vinda do Homer!!!

    ResponderExcluir
  5. assim como todos envolvidos neste momento que o tomás está vivendo, também aprendi a perceber o "tempo" de uma nova maneira.
    tenho tido a oportunidade de acompanhar a sua recuperação e reconhecer como as suas pequenas conquistas são realmente grandes!

    R, você sabe que é muito querido por todos, estamos te esperando, não precisa ter pressa. bjs

    ResponderExcluir