terça-feira, 15 de junho de 2010

A peteca não consegue cair....

É só aparecer um pouco de desânimo, um pouco de monotonia que já vem novidade....

Dessa vez foi o ânimo do Dr Marcos com o resultado de um eletro que o Tomás fez ontem... (os termos técnicos e explicações tecnicas são inexplicáveis por nós leigos)... mas um médico (ta certo que não é qq médico - é o Dr Marcos !!) ligar às 23:00hs para dizer que está feliz e surpreendido com o resultado já é mais do que suficiente.

Que bom... vamos seguindo nossa escadona degrauzinho por degrauzinho.... mas sempre subindo !!

PS - tudo indica que teremos a presença de um excelente neurocirurgiao em uma barraca da festa junina do Santa Cruz.... vale conferir....

COMO REGISTRO - após grande mobilização nacional, quase feriado, trânsito, conseguimos passar pela Coreia do Norte (2 x 1)... somos realmente uma potência !! Que batalha !! Agora sim !

6 comentários:

  1. Eu leio este blog muitas vezes por dia....ele fica aberto no meu computador... e aos poucos vou sentindo uma proximidade das pessoas que escrevem aqui e parece até que consigo entender as entrelinhas de cada mensagem... quando voce postou a mensagem dos "4 tempos, 4 semanas, 28 dias. Uma eternidade" pensei nas mensagens que viriam em resposta (eu estava viajando, queria postar, mas o meu celular só acessa o blog, não há meios de conseguir postar mensagens)....apostei comigo que viriam muitas e lindas...e foi o que aconteceu. Porque dá muita vontade de responder a você, Marcos! E à Di!!! E falar coisas ao Henrique, à Pituca, à Mari, à Carol, à Maria Claudia.... e à Lygia, René, Socrates... E isso é uma forma de fazer com que a peteca nunca caia aqui também... A peteca não cai na escada que o Tomas trilha, não cai neste blog, não cai nos posts que voces colocam aqui todo dia, não cai nos sentimentos que perpassam as mensagens de todos, não cai.... beijos.
    Aninha

    ResponderExcluir
  2. Que orgulho desse menino!!! Boa, Tum!!

    Também ando abrindo o blog mais de uma vez por dia... Com certeza é um jeito de todos mantermos nossa "peteca" ali no alto. Não consigo imaginar como seria sem isso aqui. OBRIGADA, de novo.

    Um beijo para todos! Força, força, força. Que as ótimas notícias contagiem o ânimo de todos vocês queridos!

    ResponderExcluir
  3. Notícias como essa que alimentam meu vício de entra nesse blog inúmeras vezes por dia!

    Muuito bom saber de mais uma boa notícia!!!
    Realmente, o R nao deixa nossa peteca cair! E não vai. Vamos manter ela no alto até que tudo volte ao normal.
    Marcos, muito obrigado por manter o blog sempre atualizado, nos ajudando a manter a peteca sempre no alto!
    Abraços,
    Tho

    ResponderExcluir
  4. Existe uma confiança em mim que vem da minha convivência com o Tomás. Da sua grande capacidade de encontrar soluções para situações difíceis. Vou contar uma passagem: A Ju ia se apresentar no teatro Sérgio Cardoso (no Bexiga)e o R ia assistir. Combinamos dele vir pra casa para ir comigo. O trânsito aquele dia estava difícil e ele atrasou um pouquinho, então acabamos saindo com pouca folga. Chegamos em cima da hora, mas a tempo. De repente eu me lembrei: "R...as flores...esqueci". Perguntamos se havia alguma floricultura por perto e é óbvio que não havia, então, ele olhou no entorno e disse: "Pode deixar". No canteiro central da Av Rui Barbosa haviam árvores muito floridas...ele foi até lá...subiu numa delas e veio com um buquê. Resolvido.
    Confiem...ele é especial...sabe buscar caminhos e soluções...e conta com o amor e carinho de todos.
    Um abraço muito acolhedor em cada um que está nessa luta e, R, um especial pra você com a intenção de te aquecer, energizar, acarinhar, reconhecer, admirar!!!!

    ResponderExcluir
  5. Como é lindo esse nosso menino. Nós o estamos conhecendo melhor através das múltiplas intervenções nesse blog. E estamos aprendendo tanto... De minha parte, posso dizer que vou aprendendo desde um pouco de fisiologia até à importância do silêncio. Mas o mais bonito disso tudo é sempre aprender a ser mais generoso, mais humlide, enfim, mais humano.
    Pequenas lições como a gratidão expressa em bem-casados,a doação que esses tios têm dado a esse sobrinho, a paciência e compreensão dos amigos do Tomás, que apesar de não poderem ir vê-lo, jamais o abandonam, a resiliência desses avós, que já passaram por tantas...
    Tenho certeza que quando esse pesadelo todo acabar, sairemos todos mudados, e para melhor...
    Tum, continue a subir esses degraus, pois estamos te acompanhando e nos surpreendendo com as suas conquistas.
    Elisa

    ResponderExcluir
  6. Nao tem ninguém que discorde... ele é especial.
    Sempre foi e agora só da mais uma palinha.

    Estou começando até a sentir ele falando: "Relaxa galera, to voltando!"

    Estamos tentando relaxar, R! Força!

    ResponderExcluir